quinta-feira, 5 de junho de 2008

Processo seletivo: hipocrisia demais ou dá para ser você mesmo?

Postado por Erick Cotta


Os processos seletivos atuais, com as já conhecidas fórmulas de entrevista, dinâmica em grupo e perguntas para lá de esperadas, geram candidatos "pasteurizados". O termo foi usado pela consultora do IDORT/SP, Elisabete Alves, durante entrevista cedida à InfoMoney.
Ela disse que, às vezes, as pessoas têm algumas dificuldades, e não sabem ao certo como se portar durante uma entrevista de emprego, as roupas que devem usar, ou qual é a entonação de voz mais adequada, por exemplo. Nesses casos, os cursos que ensinam como se dar bem em uma entrevista de emprego são válidos, e podem ajudar bastante.
"Mas o candidato não pode ser pasteurizado e responder exatamente o que o contratante quer ouvir", alerta. "Nas perguntas típicas, como quais são suas três principais qualidades e três principais defeitos, por exemplo, conte de forma sincera quais são seus pontos fortes e as oportunidades de melhoria".
Respostas prontas
Apesar do componente emocional ter um peso forte em qualquer processo de seleção, seja espontâneo em suas respostas. Em outras palavras, conte como deseja melhorar determinadas atitudes suas e não minta. A pena para quem tem as respostas prontas e não é autêntico é pesada.
"Quando a pessoa não é espontânea, a situação pode piorar. Ela poderá, futuramente, ser demitida". A lógica é simples: será vendido algo que não é verdadeiro, mas pelo qual o profissional será cobrado. A regra da espontaneidade vale também para as perguntas de cunho técnico. "Se não souber a resposta, diga que não sabe, ou que nunca passou por nenhuma experiência nesse campo".
Mudança na fórmula
O surgimento dos candidatos se deve, até certo ponto, à aplicação, por parte do selecionador, das mesmas fórmulas prontas durante os processos seletivos. Quando as pessoas vão a uma dinâmica em grupo ou entrevista de emprego sentem que estão tendo um "Déjà vu". "Os selecionadores precisam ser mais criativos ao utilizar o leque de ferramentas que existe, mas respeitando certo limite".

Leia também:

Comente!!

Postar um comentário

Observe estes pontos antes de fazer seu comentário

- Comentários com ofensas pessoais serão excluídos;
- Comentários Anônimos serão moderados;
- Informações feitas nos comentários não são de responsabilidade do autor deste Blog.